Index   Back Top Print

[ EN  - ES  - FR  - IT  - PT ]

SAUDAÇÃO DO PAPA BENTO XVI
AOS AGENTES PASTORAIS NO FINAL
DA SANTA MISSA NA PARÓQUIA ROMANA
DE "DEUS PAI MISERICORDIOSO"

 26 de Março de 2006

Querido pároco
e queridos amigos
!

Vejo que sois realmente uma paróquia viva:  onde todos colaboram, onde um carrega o peso do outro como diz São Paulo e assim fazeis crescer o edifício vivo do Senhor, que é a Igreja. Ela não é feita de pedras materiais, mas de pedras vivas, de pessoas baptizadas que sentem toda a responsabilidade da fé pelos outros, toda a alegria de ser baptizados e de conhecer Deus no rosto de Jesus. Por isso vós empenhais-vos para que esta paróquia possa crescer realmente.
Estamos a caminhar rumo à Páscoa e deparámos com os dois aspectos da vida cristã:  uma parte constitui uma escalada, uma subida, que pode ser também um pouco difícil; a outra parte está sempre na luz de Deus, na luz de nosso Senhor.

Gostaria de vos manifestar um especial obrigado pelo vosso compromisso. Ver numa paróquia tantas pessoas activas que visitam os doentes, que ajudam quem se encontra em dificuldade, que colaboram com o pároco, que se preocupam por uma boa celebração da liturgia, é uma alegria para o Bispo de Roma que sou eu, mesmo se a actividade concreta a desempenha o Cardeal Vigário. Contudo, sinto esta responsabilidade e sinto-me realmente feliz por ver que Roma, a "antiga Roma" é uma "jovem Roma" e vive realmente em paróquias vivazes. A fé deve ser continuada, porque fora da Itália pensam com frequência que em Roma só haja cerimónias e burocracias eclesiásticas, e que não há uma grande vida eclesial, a qual, ao contrário é visível precisamente também nas periferias de Roma. Roma é jovem, a Igreja é sempre de novo jovem. É agradável, para mim, ver esta participação e só me resta agradecer-vos e encorajar-vos a continuar, sob a orientação do vosso pároco.

E desde já, boa Páscoa a todos vós.

© Copyright 2006 - Libreria Editrice Vaticana

 



© Copyright - Libreria Editrice Vaticana