Index   Back Top Print

[ EN  - ES  - FR  - IT  - PT ]

MENSAGEM VÍDEO DO PAPA FRANCISCO
AO CENTRO DE ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS
DO COMPLEXO DE DETENÇÃO FEDERAL DE
EZEIZA (ARGENTINA)

 

Meus amigos que fazeis parte do Centro de estudantes universitários de Ezeiza, uma cordial saudação que evoca aqueles telefonemas dominicais que faço ao Penal. Estou ao corrente de todas as vossas atividades e é para mim motivo de grande alegria a existência deste espaço de trabalho, de cultura, de progresso, é um sinal de humanidade. E não teria podido existir se não tivesse havido pessoas com tanta sensibilidade humana entre os funcionários, os agentes de serviço penitenciário, diretores, juízes, membros da universidade de Buenos Aires e estudantes. Obrigado.

Agora demos um passo em frente. Foi promovida a abertura do curso de música. Desejo agradecer a quantos colaboraram nesta iniciativa: o Chefe, senhor Cláudio Segura, o Diretor, senhor Alejandro Gonzalez, o apoio e aprovação da universidade de Buenos Aires e do poder judiciário e sobretudo dos secretários do Supremo Tribunal, Luis e Victor, e dos responsáveis encarregados do Centro dos estudantes — Marcelino, Guille, Edo — que conheço por telefone. Obrigado por tudo o que fizestes.

É um sopro de vida que está a acontecer no Penal, entre vós. E a vida — vós o sabeis — é uma dádiva que se deve conquistar todos os dias. É-nos oferecida, mas devemos conquistá-la todos os dias. Devemos conquistá-la em cada passo da vida. Uma dádiva que não é fácil conservar. Coragem todos os dias. Muitas dificuldades, todos as temos, mas cuidemos desta dádiva e façamo-la crescer, cuidemos dela e façamo-la florescer.

Os internos estão a cumprir uma sentença por um erro cometido. Mas não esqueçamos, para que a pena seja fecunda, deve ter um horizonte de esperança, se não fica encerrada em si mesma e é apenas um instrumento de tortura, não é fecunda. Pena com esperança, então é fecunda. Esperança de reinserção social, e por isso, formação social, olhando para o futuro, e é isto que fazeis. Com este novo curso de música estais a olhar para a reinserção social, já agora vos estais a reinserir com os estudantes, com a universidade de Buenos Aires, estais a olhar para a reinserção social. É uma pena com esperança, uma pena com horizonte. Repito, os problemas existem e existirão, mas o horizonte é maior do que os problemas, a esperança supera todos os problemas.

Queridos amigos, rezo por vós, conservo-vos no meu coração, peço-vos que não esqueçais de o fazer por mim. Que Deus vos abençoe e em frente, sempre com um sorriso. Até ao próximo telefonema!

 



© Copyright - Libreria Editrice Vaticana