Index   Back Top Print

[ EN  - FR  - IT  - PT ]

SAUDAÇÃO DO PAPA FRANCISCO
ÀS CRIANÇAS E ÀS FAMÍLIAS ASSISTIDAS
 PELO DISPENSÁRIO PEDIÁTRICO SANTA MARTA NO VATICANO

Sala Paulo VI
Domingo, 16 de dezembro de 2018

[Multimídia]

 

Bom dia a todos!

É-em grato estar convosco. Neste tempo de Natal pensei se o Menino Jesus teve uma gripe, uma constipação... E o que terá feito a mãe? Não tenho a certeza de que em Nazaré ou no Egito havia um dispensário, mas sei certamente que se Nossa Senhora tivesse morado em Roma tê-lo-ia trazido a este Dispensário, com certeza!

Agradeço a todos vós, que sois a estrutura e a vida do Dispensário, os médicos, os colaboradores, os enfermeiros...; e também a colaboração dos jovens, dos pais e das mães das crianças. Trata-se de um corpo, e no corpo há vida. Vê-se na espontaneidade das crianças. Não é fácil trabalhar com as crianças, mas ensina-nos muito. A mim ensina algo: que para entender a realidade da vida, é preciso abaixar-se, como nos abaixamos para beijar uma criança. Elas ensinam-nos isto. Os orgulhosos, os soberbos, não podem compreender a vida, porque não são capazes de se abaixar. Todos nós — os profissionais, os organizadores, as religiosas, todos — oferecemos muito às crianças; mas elas transmitem-nos este anúncio, este ensinamento: abaixa-te! Abaixa-te, sê humilde e assim aprenderás a entender a vida e a compreender as pessoas. E todos vós tendes esta capacidade de vos abaixardes. Muito obrigado por isto muito obrigado!

Desejo-vos bom Natal, feliz e santo Natal a todos, e e agradeço-vos verdadeiramente de coração aquilo que fazeis. E, também desejo que não haja uma indigestão com um bolo tão grande. Obrigado!

 



© Copyright - Libreria Editrice Vaticana