Index   Back Top Print

[ EN  - IT  - PT ]

DISCURSO DO PAPA FRANCISCO
 À FEDERAÇÃO ITALIANA DE NATAÇÃO

Sala Clementina
Quinta-feira, 28 de junho de 2018

[Multimídia]


 

Queridos amigos!

Dou-vos as minhas cordiais boas-vindas, com um “obrigado” especial ao Presidente da Federação pelas suas palavras.

Nestes dias de competições desportivas — o Troféu “Sette Colli” — além dos resultados técnicos, vós ofereceis também um testemunho de disciplina, de competitividade saudável e de jogo em equipe. Mostrais quais metas podem ser alcançadas através da fadiga do treino, que comporta um grande compromisso e também renúncias. Tudo isto constitui uma lição de vida sobretudo para os vossos coetâneos. A natação, como qualquer atividade desportiva, quando é praticada com lealdade, torna-se ocasião de formação para os valores humanos e sociais, a fim de fortalecer juntamente com o corpo inclusive o caráter e a vontade, e para aprender a conhecer-se e a aceitar-se reciprocamente entre colegas. Gostaria de insistir um pouco sobre este aspeto de “trabalhar em equipe”. Certamente, a natação é um desporto predominantemente individual, contudo praticá-lo numa sociedade desportiva e até a nível nacional torna-se uma experiência de equipe, onde contam muito a colaboração e a ajuda recíproca. E depois há as estafetas, e há o “Polo aquático”, que é um clássico jogo de equipe. Sobretudo há a “Natação sincronizada”, que é realmente a exaltação do trabalhar em equipe: tudo é harmonia, e a excelência alcança-se quando os atletas se mexem de modo a formar um único movimento. É deveras fascinante, e para nós espetadores comuns parece quase impossível; mas também ali, o segredo é, além da habilidade individual, a ajuda recíproca.

Falando de natação sincronizada não posso deixar de pensar em Noemi, a vossa colega falecida tragicamente há poucos dias, aqui em Roma. Rezei por ela e pela sua família, e hoje quero recordá-la juntamente convosco.

Queridos dirigentes e atletas, sede um bom exemplo para os vossos coetâneos, um exemplo que pode ajudá-los a construir o seu futuro. A linguagem do desporto é universal e alcança facilmente as novas gerações. Portanto, encorajo-vos a transmitir mensagens positivas mediante a vossa atividade, contribuindo deste modo também para melhorar a sociedade na qual vivemos.

O Senhor vos abençoe e vos conceda sempre a alegria de praticar o desporto juntos, em espírito de fraternidade. Obrigado.

 



© Copyright - Libreria Editrice Vaticana