Index   Back Top Print

[ EN  - ES  - FR  - IT  - PT ]

DISCURSO DO PAPA FRANCISCO
 AOS BISPOS DO SÍNODO DA IGREJA GRECO-CATÓLICA UCRANIANA

Sala do Consistório
Segunda-feira, 2 de setembro de 2019

[Multimídia]


 

 

Não há discurso, porque no encontro que tivemos [no Vaticano, 5 de julho de 2019] o Papa disse tudo o que tinha a dizer.

Mas enfatizastes algo que não devemos perder: sínodo e sinodalidade, e Espírito Santo. Não é para fins publicitários, mas no último “L’Osservatore Romano”, aquele com a data de domingo, publicado no sábado, há um bom artigo sobre a presença do Espírito Santo no caminho sinodal. Porque tem um perigo: acreditar, hoje, que percorrer um caminho sinodal ou ter uma atitude de sinodalidade significa fazer uma pesquisa de opiniões, o que pensa este, esse, aquele... e depois realizar um encontro, pôr-se de acordo... Não, o Sínodo não é um Parlamento! É preciso dizer o que se pensa, debater como se faz normalmente, mas não é um Parlamento. Sínodo não é fazer acordos como em política: dou-te isto, dás-me aquilo. Não. Sínodo não é fazer pesquisas sociológicas, como algumas pessoas pensam: “Vejamos, peçamos a um grupo de leigos que realize uma investigação, se devemos mudar isto, isso, aquilo...”. Certamente, é preciso saber o que pensam os vossos leigos, mas não é um inquérito, é outra coisa. Se não houver Espírito Santo, não há Sínodo. Se o Espírito Santo não estiver presente, não há sinodalidade. Na verdade, se não houver Igreja, a identidade da Igreja. E qual é a identidade da Igreja? São Paulo vi disse claramente: a vocação da Igreja é evangelizar, aliás: a sua identidade é evangelizar. Entrai neste vosso Sínodo com este espírito, com o Espírito Santo. Pedi ao Espírito. Discuti entre vós, tudo o que quiserdes... Pensai em Éfeso, como eles discutiam! Mas eram bons... E no final foi o Espírito que os levou a dizer: “Maria, Mãe de Deus”. É precisamente este o caminho. É o Espírito. Porque não queremos ser uma Igreja congregacionalista, mas uma Igreja sinodal. E ide em frente por esta estrada.

Agora convido-vos a rezar a Nossa Senhora, todos juntos, para que recebais a bênção.

 



© Copyright - Libreria Editrice Vaticana