Index   Back Top Print

[ EN  - IT  - PT ]

MENSAGEM VÍDEO DO PAPA FRANCISCO
 NO 50º ANIVERSÁRIO DA FUNDAÇÃO
DA CIDADELA DE LOPPIANO

 

Queridos irmãos e irmãs habitantes de Loppiano, boa noite!

Juntamente convosco saúdo também todas as pessoas que hoje povoam a «cittadella» querida por Chiara Lubich e inspirada no Evangelho da fraternidade — a fraternidade universal — e quantos do mundo inteiro estão unidos a nós e participam na festa pelo cinquentenário de fundação. Loppiano é uma realidade que vive ao serviço da Igreja e do mundo, pela qual devemos dar graças ao Senhor; uma cidade que é testemunho vivo e eficaz de comunhão entre pessoas de diversas nações, culturas e vocações, que tem antes de tudo o cuidado diário de manter entre vós a caridade mútua e contínua.

Estou contente porque para esta festa escolhestes o dia no qual em toda a Igreja se festeja são Francisco de Assis, testemunha e artífice de paz e fraternidade. É deveras uma coincidência feliz, inclusive para mim.

Os habitantes de Loppiano, os que vivem de modo estável e os que ali transcorrem um período de experiência e de formação, desejam tornar-se peritos no acolhimento recíproco e no diálogo, agentes de paz e geradores de fraternidade.

Prossegui com impulso renovado nesta estrada, e faço votos para que saibais permanecer fiéis e possais encarnar cada vez mais o desígnio profético desta «cittadella» que floresceu pelo carisma da unidade há exactamente cinquenta anos. Vivei isto em sintonia profunda com a mensagem do Concílio Vaticano II, que então se estava a celebrar, isto é o desígnio de testemunhar, no amor recíproco a todos, a luz e a sabedoria do Evangelho. Portanto, Loppiano é escola de vida na qual existe um só mestre: Jesus.

Sim, uma cidade escola de vida para fazer com que o mundo tenha de novo esperança, para testemunhar que o Evangelho é deveras o fermento e o sal da civilização nova do amor. Mas para isto, haurindo da linfa espiritual do Evangelho, é preciso imaginar e experimentar uma nova cultura em todos os âmbitos da vida social: a família, a política e a economia. Ou seja, a cultura das relações.

Princípio da sabedoria e desejo sincero de educação: cuidar da educação é amor. Não é por acaso que Loppiano há anos é sede do Instituto Universitário Sophia erigido pela Santa Sé. De facto, há necessidade urgente de jovens, de homens e mulheres que, além de serem preparados oportunamente nas várias disciplinas, ao mesmo tempo, estejam impregnados de sabedoria que brota do amor de Deus.

Queridos amigos, de coração desejo a Loppiano e a todos vós, que olheis sempre para a frente, olhais para a frente e apostai alto com confiança, coragem e fantasia. Nada de mediocridade!

Confio-vos a Maria Theotokos, Mãe de Deus, que vos acolhe no santuário no coração dessa cidade. E peço-vos que rezeis por mim.

Saúdo-vos e abençoo-vos. Até à vista!

 



© Copyright - Libreria Editrice Vaticana