Index   Back Top Print

[ EN  - ES  - FR  - IT  - PT ]

 

MENSAGEM DO PAPA FRANCISCO
A SUA SANTIDADE TAWADROS II

 

A Sua Santidade Tawadros II Papa de Alexandria e Patriarca da Sé de São Marcos

Na iminência do segundo aniversário do nosso encontro fraternal em Roma, desejo manifestar-lhe, Santidade, os meus melhores votos de oração pela sua boa saúde, assim como o meu apreço pelos vínculos espirituais que unem a Sé de Pedro à Sé de Marcos.

Hoje mais do que nunca estamos unidos pelo ecumenismo do sangue, que nos encoraja ulteriormente no caminho rumo à reconciliação. Asseguro-lhe, bem como à comunidade cristã no Egipto e em todo o Médio Oriente, a minha oração incessante e, de modo particular, recordo os fiéis coptas recentemente martirizados por causa da sua fé cristã. Que o Senhor os receba no seu Reino!

Enquanto dou graças ao Senhor, recordo os nossos progressos alcançados no caminho da amizade, unidos como estamos por um único baptismo. Não obstante a nossa comunhão ainda seja imperfeita, o que temos em comum é maior do que aquilo que nos divide. Nós podemos perseverar no nosso caminho rumo à plena comunhão e crescer no amor e na compreensão!

É particularmente encorajador que a Comissão mista internacional para o diálogo teológico entre a Igreja católica e as Igrejas ortodoxas orientais tenha concluído recentemente o documento intitulado: The Exercise of Communion in the Life of the Early Church and its Implications for our Search for Communion Today («O exercício da comunhão na vida da Igreja primitiva e as suas implicações para a nossa busca de comunhão hoje»). Estou persuadido de que Vossa Santidade compartilha a minha esperança de que este diálogo vital prossiga e produza frutos abundantes. Estou particularmente grato pela disponibilidade do Patriarcado da Sé de São Marcos, a hospedar o próximo encontro da Comissão no Cairo.

Os cristãos no mundo inteiro encontram-se diante de desafios semelhantes, os quais exigem que trabalhemos em conjunto para enfrentar tais problemáticas. Apraz-me saber que, no ano passado, Vossa Santidade nomeou um delegado para participar no Sínodo extraordinário dos bispos dedicado à família. Formulo votos a fim de que a nossa cooperação neste âmbito possa continuar, de maneira especial na abordagem das questões relativas aos matrimónios mistos.

Com estes sentimentos, e recordando aquele que já é justamente conhecido como o dia da amizade entre a Igreja copto-ortodoxa e a Igreja católica, troco com Vossa Santidade um abraço fraterno em Cristo Senhor.

Vaticano, 10 de Maio de 2015

Francisco

 



© Copyright - Libreria Editrice Vaticana